Ensino de Espanhol

31 Outubro 2019

ENSINO DE ESPANHOL


Com cerca de 500 milhões de falantes, o espanhol é, depois do chinês, a segunda língua do mundo por número de usuários e o segundo idioma de comunicação internacional, atrás do inglês. Importante para a cultura e negócios, a língua espanhola ocupa uma posição determinante no cenário mundial.

Se a integração comercial e profissional com nossos países vizinhos já é motivo suficiente para despertar o interesse pela aprendizagem do espanhol, a importância acadêmica e cultural desta língua reforça a imprescindibilidade de mantê-la no currículo.

Além disso, o domínio do espanhol também abre um vasto leque de oportunidades culturais. A riqueza e diversidade cultural de nossos vizinhos latinos, que se estende pelo mundo das artes, literatura, cinema e esportes com nomes de destaque no cenário global, também tem aumentado o interesse das pessoas pela língua espanhola.

No Colégio Solução, o ensino de Espanhol inicia-se na Educação Infantil (a partir do maternal), como proposta de enriquecimento curricular. No Ensino Fundamental e médio há uma aula por semana, com material didático da Santillana Español, uma editora internacional que está presente no Brasil há mais de dez anos. Ao final do Ensino Médio, os alunos têm a oportunidade de fazer um exame para adquirir sua certificação de proficiência em Língua Espanhola: o SIELE.

SIELE - SERVIÇO INTERNACIONAL DE AVALIAÇÃO DE LÍNGUA ESPANHOLA

O Serviço Internacional de Avaliação de Língua Espanhola (SIELE) é um exame de proficiência, realizado de forma eletrônica nos centros de exames autorizados, que certifica o grau de competência e domínio do idioma espanhol. É promovido pelo Instituto Cervantes (IC), pela Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM),

Universidade de Salamanca (USAL) e Universidade de Buenos Aires (UBS). Seus certificados abrangem os níveis A1, A2, B1, B2 e C1 do Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas.

A validade do título é de 2 anos e o SIELE se diferencia de outros exames por ser digital e porque não exige do candidato a escolha de um nível conforme estabelecido pelo Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas.

Desde 2018, o Colégio Solução tornou-se centro aplicador de exames do SIELE.